Frida Kahlo, suas fotos


Quando Frida Kahlo morreu, em 1954, todos os seus ojetivos ficaram trancados em um dos cômodos da mítica Casa Azul, onde morou com o pintor Diego Rivera. Anos mais tarde, esse tesouro foi aberto, mas somente agora as mais de 400 fotos guardadas são finalmente reunidas numa publicação.

As imagens mostram uma série de autorretratos [nova grafia, não estranhem!] de seu pai fotógrafo, Frida quando menina, seu estúdio, o encontro com Rivera, seu círculo  cosmopolita de amigos e a intimidade com personagens notáveis como Breton, Duchamp, Henry Ford, Dolores e alguns brasileiros, como Adalgisa Nery.

Comentários