Musicoterapia


Essa semana, estava assistindo a um programa (não me lembro qual!!!), escutei essa expressão "musicoterapia". Em inglês Music Therapy. Achei interessante e resolvi saber mais a respeito. Antes fiquei devaneando sobre o assunto. Pensei na música como um remédio. Se prescrito de forma certa pode sanar o problema de uma pessoa. E mais ainda, em como uma prescrição errada resultaria. No caso de um remédio, existe diferença entre um antidepressivo, um antibiótico e um laxante. Seria o mesmo com música? Você briga com seus pais escuta "Pais e Filhos". Tem uma desilusão amorosa escuta aquelas músicas de "fossa".

Particularmente já estabeleci trilhas sonoras para cada estado de espirito. Imaginem só, tenho amigos que fazem até listas. Agora mesmo, escrevendo, estou escutando música "Smile - Neo", super in love, pensando em matar logo a saudade! Quando não consigo dormir, sei as músicas certas para conseguir relaxar um pouco. Tem aquelas músicas que você escuta e faz voltar o passado, como uma máquina do tempo. Tem músicas que você escuta e faz lembrar pessoas e lugares. Talvez seja um hipocondríaco musical. Será que escutar música errada, agrave mais o problema? kkkkkkk....

Musicoterapia é a utilização da música e/ou de seus elementos constituintes, ritmo, melodia e harmonia, por um musicoterapeuta qualificado, com um cliente ou grupo, em um processo destinado a facilitar e promover comunicação, relacionamento, aprendizado, mobilização, expressão, organização e outros objetivos terapêuticos relevantes, a fim de atender as necessidades físicas, emocionais, mentais, sociais e cognitivas.

A musicoterapia busca desenvolver potenciais e/ou restaurar funções do indivíduo para que ele ou ela alcance uma melhor qualidade de vida, através de prevenção, reabilitação ou tratamento. (World Federation of Music Therapy)




Também me imaginei sendo uma musicoterapeuta ajudando as pessoas, entretanto, lendo a respeito, vi que além de boa vontade, precisa-se ter o conhecimento da anatomia e fisiologia humana, psicologia, filosofia e noções de expressão artística, expressão corporal, dança, técnicas grupais e métodos de educação musical como o Método Orff ou o Método Kodály.

No meu ponto de vista, tocar ou aprender um instrumento já é uma terapia, assim como um desafio. Não sei se para quem escuta seja o mesmo. Em minha casa, minha irmã e minha mãe tocam piano e realmente é uma terapia, relax total! Eu?? Não toco nada! Mas como diz um certo alguém ali: "Ela toca o meu coração!" .. tsts.. Tá de bom tamanho né?! kkkkkkkk...

O dia do musicoterapauta é comemorado no Brasil em 15 de setembro. Vejam o vídeo mostrando um exemplo básico da Music Therapy.


 


Minha vida tem trilha sonora!

lı.lıllılı.ıllı..ılı.lıllılı.ıllı

Comentários