Relax Cinco Estrelas


Igreja francesa no Cal-a-Vie

RELAX CINCO ESTRELAS

Entre as praias do Pacífico e os desertos do centro dos Estados Unidos, estão três dos mais luxuosos spas do mundo - Os refúgios prediletos das celebridades.



Sala de massagem do Spa Cal-a-Vie

    Amantes incondicionais da França, os empresários Terri e John Havens volaram de uma das muitas incursões à terra de seus antepassados apaixonados por uma antiga capela de um mosteiro da Ordem das Carmelitas na região de Dijon. Resultado: alguns meses depois, a tradicional igrejinha foi demolida e transportada de navio, tijolo por tijolo, até o outro lado do mundo, na Califórnia, para ser reerguida. Hoje, os seletos hóspedes do Spa Cal-a-Vie, como Uma Thurman e Sharon Stone, podem se dar o luxo de praticar ioga e er sessões de meditação à luz de velas no silencioso templo de mais de 400 anos, em meio a um exuberante jardim de oliveiras e carvalhos.

E essa não é a única referÊncia à França naquele que é um dos melhores e mais luxuosos spas do mundo. Ali, em um terreno de 800 mil m², recheados de vastos campos de lavanda, todos os amientes são decorados com antiguidades e tecidos franceses. "Eu viajei muito à França para mobiliar a miha casa e, quando ela ficou pronta, passei a decorar o spa. E essa é uma ótima desculpa para continuar indo e vindo", diz Terri.


Salão com piscinas do Spa Canyon Ranch Tucson
 
     A sensação que se tem ao caminhas pelas alamedas floridas do Cal-a-Vie é a de estar na Provence. As 26 villas espalhadas pela propriedade têm deques provativos ou varandas sobre um verde a perder de vista. Do lado de dentro, há detalhes como espelhos de prata, cabeceiras esculpidas a mão e banheiros com pisos de mosaico de mármore travertino. A cada semana, apenas 30 hóspedes são mimados por uma equipe de cerca de 150 profissionais e dividem as manhãs entre sessões de Pilates e as mas variadas aulas de fitness.
   O que celebs como Oprah Winfrey e Tyra Banks encontram no Cal-a-Vie são tratamentos como a talassoterapia, feita com um preparado de algas, água marinha e lama, acompanhados de massagens no rosto e na cabeça. Ou uma terapia de pedras quentes, que pode ser preparada tanto na própria villa como numa bela casa inspirada nos tradiconais banhos turcos. O programa de casa hóspede é definido de acordo com os caprichos de cada um, Você pode perder calorias no kickboxing ou numa partida de tênis, por exemplo.

  E recuperar uma pequena parte delas nas delícias preparadas pelo chef Jason Graham, que pratica o que ele chama de gourmet spa cuisine. Traduzindo: salmão escocês crocante ao curry tailandês, medalhão de rosbife com tomates ao molho balsâmico, gaspacho de pêssego. "As pessoas acham que a gastronomia de spa não pode usar temperos e tudo tem que ser escaldado, cozido ou frelhado", diz o chef. "Na verdade, basta substituir alguns ingredientes. Nossos hóspedes ficam surpresos com o sabor delicioso dos pratos".
    A algumas centenas de quilômetros dali, no deserto de Sonora, no Arizona, instalado numa área de 600 mil m² aos pés das motanhas de Santa Catalina, o Canyon Ranch Tucson é um verdadeiro oásis. Eleito neste ano o melhor spa da América do Norte pela pesquisa anual do grupo Spa Finder, ele é cheio de jardins de cactos e flores selvagens, lagos, fontes e piscinas de sonho. A vegetação típica do deserto é toda entrecortada por trilhas, onde são feitos caminhadas e passeios de bicicleta.

Os números do spa impressionam :apenas o complexo de exercícios ocupa uma área de 7,5 mil m², onde estão seis ginásios, um estúdio dePilates, sete quadras de Tênis e quadras de squash. Tudo isso para 240 hóspedes vip, que incluem de beldades de Hollywood a presidentes de grandes empresas.

Além de só usar produtos desenvolvidos especialmente para a marca de beleza do spa, o Canyon Ranch está sempre introduzindo terapias novas, que viram hits. É o caso do tratamento rejuvenescedor à base de oxigênio presurizado, que aplica elementos com jatos diretamente na pele. Ou do Euforia, um procedimento que inclui máscaras botânicas para todo o corpo, enquanto a cabeça é massageada.

    Quando o assunto é inovação, o Golden Door escondido, localizado ao norte de San Diego, na Califórnia, é campeão. mais antigo Spa em operação nos Estados Unidos, ele foi também um dos primeiros a trabalhar a filosofia do bem-estar no país. "Quando começamos, em 1959, o conceito da palavra stress ainda nem existia, mas nós não precisávamos de uma palavra para reconhecer que não fazia nada bem levar uma vida frenética", diz a fundadora do spa, Deborah Szekely, que tem 87 anos. Hoje, apenas 40 hóspedes por semana ocupam seus quartos, todos com jardim particular e deque para a observação das estrelas. As camareiras arrumam os aposentos cinco vezes por dia e colocam sempre lindos arranjos de flores frescas.

    O dia inicia cedo no Golden door. Mais especificamente às 5h45. Antes do café da manhã, servido no quarto, um dia típico prevê uma caminhada pelas trilhas da propriedade. E segue com atividade como ioga kundalini, alongamento e aula de dança. O signature treatment do spa é um ritual que começa com a aplicação de um mel produzido nos abacateiros do jardim e toalhas quentes pelo corpo, enquanto os pés recebem uma massagem. Depois, é hora de uma imersão em leite morno com óleos e essências de laranjeiras.

    Arquitetura e filosofia seguem os ensinamentos milenares praticados do outro lado do mundo. Inspirado nos antigos refúgios dos imperadores japoneses, o Golden door recriou um ambiente de sotaque asiático carregado de simbolismos. Portões dourados importados do México se abrem como ritos de boas-vindas. Por eles, já passaram Nicole Kidman e Barbra Streisand. do lado de dentro, jardins japoneses foram reproduzidos e obras de arte decoram o espaço, entre elas três exemplares de lanternas de pedra do século 18. Todas elas um dia iluminaram velas acesas em todos os fins de tarde e garantem charme e spa estrelado.

❍  ❍ 

Comentários